Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ana Branco

Divagações, reflexões e imagens de observações.

Ana Branco

Divagações, reflexões e imagens de observações.

Fato que não é facto

26.06.22
A política não somos nós. A política é o que existe entre nós, num espaço em que haja liberdade para cada qual se expressar com a consciência de que, apesar de haver grupos de pessoas (...)

Contratendência

25.06.22
A realidade flutua entre ciência e consciência, conhecimento e crença, ter e ser. Consciente ou inconscientemente, o controlo constante do próprio destino reduz as áreas de liberdade (...)

Chapéus há muitos. Ideias, também

23.06.22
“Apoio de 60 euros a famílias vulneráveis vai custar 128 ME.” Um título assim, é um escândalo. Apela aquelas emoções de "injustiça". Tendo em consideração aqueles comentários (...)

Cabeça no ar

23.06.22
«O homem pensa e o próximo dispensa. Este nem sequer pensa o suficiente para pensar que o outro possa pensar.» Os “Aforismos” de Kraus são uma ajuda ao pensamento que pensa sem pensar, (...)

Intuir

22.06.22
Às vezes, a intuição induz a rejeitar livremente um caminho. Uma espécie de premonição de que a razão, o sentimento do que é justo, simples e claro não será inutilmente perturbado por (...)

Medonho(s)

20.06.22
Os estranhos são medonhos. Fogem de uma crise produzida por medonhos, para se misturarem com os medonhos interesses concorrenciais do mercado de trabalho e as medonhas seguranças internas, (...)

Gente

20.06.22
Quem não tem dinheiro, não tem poder. Quem não tem poder, não é humano. Ninguém quer ser pobre. Ninguém quer a riqueza nos demais. O oprimido, em vez de se revoltar contra o opressor, (...)

Desassossego

13.06.22
Espelham-me as palavras. Nelas senti o meu tempo. O mesmo, e ao mesmo tempo, as diversas sensações contidas no mesmo momento. Sentindo-as dentro e fora, das vidas várias. Compreendi, por (...)

Horizonte

06.06.22
Deslumbra-me o horizonte, onde o ocaso do Sol impõe cores no desfecho do dia. Alimenta-me o mistério distante na hora tardia. Na mansidão, tão-somente pressentida, desencontro-me na miragem (...)

Limites

05.06.22
Na imensidão, o céu ilumina a extensão sem limites do espaço infinito. Ao longe, erguem-se barreiras protetoras contra o abalo que o infinito do espaço provoca. O vazio metafísico é uma (...)

Memórias felizes

01.06.22
Foi aqui. Aqui, senti pela primeira vez. O abraço das ondas, o chamamento do mar. Na maioria das vezes, turbulento, ameaçador. Não fossem as rochas susterem a fragilidade de mim, e seria (...)

Vida colorida

30.05.22
- Quantos anos fazes? Silêncio. Preciso de os contar. Não é uma questão de memória. É uma questão de memória. Todas as minhas vivências, experiências e aprendizagens estão guardadas (...)

Intenção

07.05.22
É a necessidade de ter opinião ou é a necessidade de ter razão? A primeira, só é relevante pela importância de quem a tem. A segunda, resulta no confronto com quem importância não tem.